Carta à Igreja

Saudações

Rm. 8.14 Pois todos os que são guiados pelo Espírito Santo de Deus, são filhos de Deus. Querida Igreja, obrigado por toda oração por nós. Foi difícil vir para Europa, em função de muitos compromissos para esta época no Brasil, mas louvado seja o Senhor pelos seus planos nas nossas vidas (pude ver mais uma vez a palavra se cumpre) “todos os que são guiados pelo Espírito Santo, são filhos de Deus”. A experiência que Deus nos deu na Bélgica é mesmo uma comprovação disto.

 

O Encontro

Deus colocou vários pastores de algumas nações juntos (alguns deles com suas esposas) ; fizemos um encontro com eles (pessoas que cuidamos/Eu e o Jame); e mais alguns amigos nossos. Não podíamos ter idéia do que Deus iria fazer; mas Ele fez; e nos surpreendeu, superou todas nossas expectativas. Deus nos falou muito sobre paternidade, pastoreamento,…nos deu palavras vivas, visões, profecias, um derramar do Espírito Santo, um clima indescritível naquele lugar. “Era Deus!”. Talvez essa expressão resuma o encontro que tivemos.

Talvez uma das coisas que mais pudemos dar aos irmãos foram: Nosso amor, companheirismo, “cobertura”, pois vemos que o campo acaba sendo lugar de muita gente só, mas nestes dias foi como se eles encontrassem pais, amigos, família, apoio, ajuda, serviço,esperança…

As coisas que ouvimos tanto dos nativos (gente destas nações), como gente que trabalha nas nações, nos tocou profundamente; e mais uma vez nos colocou um peso para sermos a resposta de Deus para as nações (é difícil relatar o quanto choramos ao ouvir determinados testemunhos, e mesmo quando dávamos os nossos testemunhos sobre como Deus e os irmãos cuidam de nós, sentimos o Espírito Santo nos falando profundamente.

Ouvimos pastores antigos no campo missionário dizerem que participaram de inúmeros encontros; mas que aquele encontro aparentemente desprezível, sem propaganda, os fez conhecer e viver verdades que nunca tinham conhecido em todos os encontros da vida (Glorificamos o Nome de Jesus nisto), porque não temos nada de nós mesmos, mas Jesus foi o autor de toda obra que Ele mesmo fez.

 

Visitação

Na segunda parte da viagem visitamos uma família na Bélgica (os pais da Lisa/Futura esposa do Sanley/Discípulo da igreja em Vitoria); a sede deles em Deus, a hospitalidade, o amor e desejo de começar a igreja na casa com a visão do reino de Deus que tem deslumbrado aquela família, nos deixou mais uma vez com o desejo de termos mais famílias na Europa.

 

Ministrando a palavra à Igreja Alemã

Ministramos à Igreja Alemã no domingo pela manhã (Deus nos deu uma palavra oportuna), e trouxe uma reação preciosa aos Alemães. No domingo a noite ministramos no grupo Latino, onde há representantes de muitas nações, dentre elas o Brasil, foi mais uma vez uma bênção a palavra que Deus nos deu, e também a resposta da igreja a palavra.

 

Em Suíça

Seguimos para Suíça Francesa e visitamos o Gustavo e a Maira (recém casados e discípulos da igreja em Vitoria que mudaram recentemente para Lausanne na Suíça), foi muito bom revê-los e poder orar, fortalecer e compartilhar com eles (foi mais um tempo de comunhão e lágrimas); pudemos comer uma boa picanha com queijos Suíços , e animá-los sobre o que Deus quer fazer com eles naquela cidade. (Gustavo faz doutorado na área de Física Nuclear).

Na viagem de volta de Lausanne passamos por Trunbach/Suíça, na casa do Manoel/Carme(discípulos conhecidos por nós. Ele, violinista e ela, doutora em engenharia de matérias. Foi mais uma visita; com um tempo de oração e compartilhando sobre o propósito de Deus naquele lugar.

Viajamos para Ascona na Suíça Italiana. Fomos muito bem recebidos pela Marina eAna Paula; elas são brasileiras casadas com Suíços já há alguns anos; com filhos Suíços (são comprometidas, batizadas, e cheias de amor por Jesus) Ali temos muitas portas abertas para Deus trabalhar na igreja; foi um tempo lindo; elas moram ao lado do lago Maggiori no estado de Tichino; na Suíça Italiana; ali temos lugares maravilhosos bem próximo a casa delas. Vemos os Alpes Suíços(já como muita neve, e paisagens paradisíacas), este lago que falei acima é um lugar fantástico , e muitas montanhas no caminho de chegada e saída; a viagem em si, nos dava estes presentes ao longo de todo trajeto. Essas irmãs precisam de ajuda. Há muita demanda de proclamadores da verdade, por toda cidade se vê muitas pessoas necessitadas e abertas a ouvirem a respeito da palavra do Senhor. Essas irmãs trabalham voluntariamente na cidade.Uma com crianças e dança e outra como professora, sendo assim sempre possuem muitos contatos e são bem próximas a essas pessoas.

Falamos sobre a possibilidade de fazermos um trabalho social com o governo daquela cidade e assim abrirmos outros contatos para estabelecermos o reino de Deus; mas precisamos de gente cheia de Deus e disponível para fazer a obra. Nisso cumpre-se a Palavra quando diz: “Verdadeiramente a obra é grande e os ceifeiros são poucos” (Mt. 9 35.38) Passamos pela Itália, Áustria, Alemanha.

Seguindo nossas experiências de oração, palavra e um tempo de edificação; e retornamos pela Bélgica; despedindo do Wallace e Beth, nossos companheiros de viagens nestes dias. Foi muito bom estar com eles e fazermos a obra juntos. Também tivemos a companhia do Sergio/Margarida; que moram na Alemanha e são nossos anfitriões, aos quais damos honra por todo programa de viagem, pelos contatos com pastores, irmãos em diversas localidades, honramos também o serviço e tantas outras benécias desses dias. Louvamos a Deus de todo nosso coração por eles e pedimos a toda igreja para inclui-los em vossas orações.

 

Concluindo

Deus em todo o tempo nos guardou e nos ajudou, fez a obra através de nossas vidas e estamos voltando cheios de alegria e gratidão por seu amor e cuidado. No amor de Deus,

Vinci, Sergio/Margarida(nossos companheiros na Alemanha),
Walace/Beth(presbítero em Florianópolis)

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-image: url(http://igrejavix.com.br/wp-content/uploads/2017/10/img-bg-miss.jpg);background-size: cover;background-position: center center;background-attachment: scroll;background-repeat: no-repeat;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 300px;}